Dicas para uma mãe de primeira viagem

0

Para uma nova mãe, quanto mais perto a data do parto, maiores são as inseguranças. Elas tem de planejar tudo e descobrir o que vai acontecer após o parto.

E depois que a criança nasce, vem a etapa das culpas e duvidas inquietantes. O que fazer? como fazer? e se eu errar?

Ai surge os parentes e amigos que já tiveram filhos querendo ensinar como fazer o seu trabalho, e então bate aquele sentimento de que você errou em tudo desde o começo, e todos estão corretos menos você.

sapatinho de bebe
creditos: freepik

Muita calma nessa hora, existem pequenas dicas que podem mudar a sua vida, confira:

Tenha um plano de parto

O parto é o começo de tudo, quando Finalmente a espera acaba. Esse momento deve ser planejado pela mãe em parceria com o seu obstetra, para definir como será o parto observando as condições da mãe e do bebé.

No plano deve ter as seguintes informações:

A posição em que deseja dar a luz;

Se a mae terá ou não uma doula;

Quem será o acompanhante da gestante;

Se quer musica;

Se deseja analgésicos na hora do parto caso escolha parto normal.

Para reduzir a ansiedade é bom visitar a maternidade em que terá o bebe. A cada visita percorra uma rota diferente e veja em qual delas você chega primeiro ao local.

Procure um local que atenda as suas exigências e expectativas. Veja como é a infraestrutura e como são as equipes.

gravida trabalhando
creditos: freepik

É importante tirar todas as dúvidas e verificar os procedimentos para caso as salas estejam cheias no momento da sua chegada.

Descanse o máximo que puder, mesmo com a dificuldade para dormir nos últimos momentos, o descanso é importante nesse finalzinho. Muita energia será gasta durante o parto e na primeira semana do bebê em casa.

Leva tempo para se adaptar a nova rotina e isso pode ser estressante.

Economize

O calendário nacional de Vacinação vai cobrir a maior parte das vacinas que seu filho vai precisar. Mesmo assim existem vacinas que são recomendas e só podem ser adquiridas na rede privada.

As doses tem um preço alto e é bom economia para ela, além disso pode acontecer algo inesperado então para não apertar o orçamento e ficar sem grana economize no que puder.

Aceite ajudas

O parto é desgastante e tem uma forte influência no corpo, e ter um bebê que precise de você o tempo todo pode consumir as suas energias.

Por isso aceite ajuda, não se acanhe em pedir e aceitar que aqueles que estão próximos de você te ajudem, pode ser seu parceiro ou parceira, a sobra, a mãe, irma ou uma cunhada, talvez uma melhor amiga. Não importa quem seja, se eles querem ajudar aceite.

casal/gravida
creditos: freepik

Essa ajuda vai ser bem-vinda nos momentos mais difíceis, um deles é o choro do bebê. A única forma que eles tem de se comunicar é com o choro. Então se prepare porque vai ouvir muito choro.

As mães de primeira viagem sempre vão ter varis teorias do que pode ser, e a insegurança pode bater forte. Pode ser fome, sono ou dor, mas tambem pode ser terio, ou vontade de passar um tempo nos braços da mãe.

O mundo é algo inédito para a criança e os estímulos podem ser estressantes. Ele se acostumou com o aconchego do útero e agora isso faz falta.

O contato materno fortalece o vínculo afetivo do bebê, e com outros adultos vai fortalecer as potências cerebrais.

No primeiro sinal de sono coloque para dormir

Quanto mais cansado o bebê estiver mais trabalho terá para dormir. Quanto mais sono ele acumular, mais irritado vai ficar e a briga para dormir vai ser longa.

Por isso, no primeiro sinal de sono, coloque no berço, deixe que o sono o vença. Toque uma música calma e retire a luz do ambiente. Mas não deixe o ambiente totalmente escuro para não criar uma confusão entre dia e noite.

Os barulhos do cotidiano devem ser mantidos para que seu relógio biológico seja treinado.

mulher gravida/ fundo cinza
creditos: freepik

E aproveite para dormir tambem. Os primeiros meses são os mais difíceis, a criança como com mais frequência exige mais da sua atenção e forças.

Para encarar as longas jornadas, durma sempre que tiver oportunidade.

Aprenda a aliviar cólicas

Se agitar não vai resolver nada, então o primeiro passo é manter a calma. As cólicas fazem parte do amadurecimento do sistema digestivo, então os bebês vão passar por isso.

Técnicas que podem ser uteis:

Massagem shantala, pode ser realizada desde o primeiro dia; banho com água morna no estilo ofurô vai acalmar o bebê, ao sair do banho coloque a criança de barriga para baixo.

Crie uma rotina

Sua rotina deve incluir a hora do banho de trocar fraudas, de dormir, de sonecas, a hora do passeio, todos os momentos devem ser controlados.

Para um bom passeio mantenha a bolsa organizada com tudo que vai precisar, e lembre-se das emergências que podem aparecer.

Aproveite para conversar com outras mães e trocar ideias enquanto seus pequenos estão se acostumando ao mundo a seu redor.

gravida esperando filho
creditos: freepik

Mas lembre-se não existe supermãe, por mais prevenida que possa ser, coisas podem acontecer fora do seu planejamento, e é normal. O mundo não vai acabar por causa disso.

Você vai cometer erros, vai ter acertos, mas o importante é não esquecer que é humana e que está fazendo o melhor que pode parar o seu pequeno.

Não se cobre de mais, saiba que seu esforço e de todos ao seu redor será recompensado.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.